O que fizemos até o momento! Agosto / 2020

• R$ 836 milhões, volume emitido de CRI no mês de julho;
• R$ 2,2 bilhões, volume emitido de CRI em 2020;
• R$ 1,4 bilhões, volume emitido em CRA em 2020;
• R$ 3,6 bilhões, em emissões de CRI e CRA nos sete primeiros meses do ano.

Os dados acima são um indicador sobre as condições favoráveis para os títulos de crédito privado. O patamar histórico de juros baixos encoraja as empresas a tomarem recursos via mercado de capitais. Isso se refletiu no elevado volume de emissões de CRI e CRA, que segue batendo recordes neste ano.

Na última semana, o Copom do Banco Central realizou o nono corte seguido da taxa básica de juros (Selic). A queda foi de 0,25 ponto percentual, saindo de 2,25% para 2% ao ano. É o menor patamar que se tem registro na série histórica, iniciada em 1996.

Esse cenário faz com que as empresas minimamente preparadas para tomar recursos no mercado de capitais tenham acesso a recursos com juros jamais vistos. Os títulos públicos com vencimento de médio prazo estão com taxas ainda consideradas baixas pelo mercado, mais um indicador encorajador para captação de recursos.

Nossa expectativa é que as emissões acelerem agora no segundo semestre de 2020, impulsionadas pela necessidade de busca de recursos por parte das empresas, associada aos últimos indicadores que apontam uma curva de retomada do consumo e a expectativa de fim do ciclo pandêmico.

Do outro lado, temos os investidores demonstrando maior apetite aos títulos de crédito privado. Tanto os investidores institucionais como as pessoas físicas precisam diversificar e otimizar a gestão de seu patrimônio de investimentos. Tudo isso favorece os títulos securitizados como CRI e CRA, que se apresentam como ótima alternativa para atender esse perfil de investidor. Vale lembrar que esses dois ativos são isentos de imposto de renda para pessoa física, tornando-se assim mais atrativos.

Espero que avaliem o CRI e CRA como mais uma opção para preservar e aumentar seu capital.

Contem com a TRUE, estamos preparados para te apoiar nesta retomada econômica!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *